“” Angola planeja aumentar sua rede hospitalar

saude-e-nutricao/2021/11/05/unic-angola-rede-hospitalar

Saúde e Nutrição

Angola planeja aumentar sua rede hospitalar

unic-sn-hospitales

O Presidente da República de Angola, João Lourenço, anunciou em outubro a construção de hospitais gerais nas cidades de Caxito (Bengo), Ndalatando (Cuanza Norte), Cunene, Sumbe (Cuanza Sul), Cacuaco e Viana (Luanda), com obras a serem iniciadas em 2022. 

Esta medida deverá aumentar a oferta de leitos hospitalares no país e atender à demanda da população por serviços de saúde. 

O presidente angolano ressaltou que cada hospital terá 200 leitos para os pacientes. Além disso, estão sendo mobilizados recursos financeiros de linhas de crédito para a construção de outros hospitais gerais nas cidades de Catumbela (Benguela), Bailundo (Huambo), Dundo (Lunda Norte), Uíge e Malanje.

Esta iniciativa também inclui a reabilitação e ampliação do Hospital Américo Boavida em Luanda e a conclusão do Hospital Geral Mbanza Congo (Zaire).

Após a conclusão dessas obras, espera-se a construção de unidades menores de cuidados primários para os municípios e bairros. 

Em um momento particularmente difícil com a pandemia de Covid-19, pouco menos de 5% da população do país já foi vacinada. Como as doses das diversas vacinas disponíveis no mercado são adquiridas, o Conselho da República incentiva a luta contra a desinformação e desinformação e se propõe a aumentar o número de postos de vacinação e a disponibilidade de transporte público. 

A Universidade Internacional do Cuanza (UNIC) oferece uma ampla gama de programas acadêmicos em seu primeiro ano de ensino. Um dos cursos é a Licenciatura em Enfermagem no qual os estudantes serão treinados para atender adequadamente às necessidades da população. 

Fonte: PR anuncia la construcción de hospitales generales en cinco provincias

Foto: Todos os direitos reservados

Colaboradores

Copyright Universidade Internacional do Cuanza - Todos os direitos reservados © 2022.